ALERTA: A criminalidade e a violência crescem de forma assustadora no Brasil. Os policiais estão prendendo mais e aprendendo muitas armas de guerra e toneladas de drogas. A morte e a perda de acessibilidade são riscos presentes numa rotina estressante de retrabalho e sem continuidade na justiça. Entretanto, os governantes não reconhecem o esforço e o sacrifício, pagam mal, discriminam, enfraquecem e segmentam o ciclo policial. Os policiais sofrem com descaso, políticas imediatistas, ingerência partidária, formação insuficiente, treinamento precário, falta de previsão orçamentária, corrupção, ingerência política, aliciamento, "bicos" inseguros, conflitos, autoridade fraca, sistema criminal inoperante, insegurança jurídica, desvios de função, disparidades salariais, más condições de trabalho, leis benevolentes, falência prisional, morosidade dos processos, leniência do judiciário e impunidade que inutilizam o esforço policial e ameaçam a paz social.

quarta-feira, 6 de julho de 2011

DELEGADA REGIONAL É ATACADA POR HOMICIDA. FOI SALVA PELO ADVOGADO DELE.

PRESO TENTA ENFORCAR DELEGADA COM ALGEMAS NO PIAUÍ. FOI SALVA PELO ADVOGADO DO PRESO. Teve seu pescoço ferido e um corte na mão. 18O GRAUS - 06/07/2011 às 16:04h

A delegada Regional da Policia Civil da cidade de Esperantina, Dra. Georgiane Karine, por pouco não foi assassinada na manhã desta quarta-feira (06/07), pelo ex-presidiário e homicida, Francisco Aparecido Alves de 24 anos de idade conhecido no mundo do crime por Cigano Jacaré.

ENTENDA O CASO

O fato aconteceu no momento em que Jacaré estava sendo ouvido pela própria delegada sobre o assassinato do jovem Francinaldo da Silva Honorato, o popular Neguinho da Carraspanha, fato ocorrido no último dia 15 de junho no Bairro Pedreira na cidade de Esperantina.

Jacaré que é tido pela Policia como um bandido de alta periculosidade já havia sido preso recentemente na Operação Taboca desencadeada no municipio por uma equipe de Policiais da Delegacia Especializada em Prevenção e Repressão a Entorpecentes - DEPRE por envolvimento no tráfico de Drogas na região e que a referida operação foi comandada pelo Delegado da especializada Samuel Silveira.

Georgiane Karine muito nervosa chegou a relatar que só não morreu asfixiada devido a intervenção imediata do próprio advogado do cigano, conhecido como Gerson, que ainda saiu com um corte na mão. Já a Delegada, além das algemas terem ferido a região do seu pescoço, saiu também com um corte em um dos dedos de sua mão.

Georgiane relatou que foi necessário o Delegado local Fernando Cunha Castro travar uma verdadeira luta corporal para dominar o cigano criminoso dentro do seu próprio gabinete.

De acordo com a Delegada a Policia investiga agora de que forma o cigano adquiriu o pedaço de caco de vidro e a mesma realizará ainda na tarde de hoje um exame de corpo de delito em função das agressões sofridas pelo mesmo.

A Delegada relatou ainda que a situação do cigano Jacaré devido a esse caso vai se complicar muito mais ainda, já que o mesmo responderá por trafico de Drogas, um homicidio e uma tentaviva de homicidio.