ALERTA: A criminalidade e a violência crescem de forma assustadora no Brasil. Os policiais estão prendendo mais e aprendendo muitas armas de guerra e toneladas de drogas. A morte e a perda de acessibilidade são riscos presentes numa rotina estressante de retrabalho e sem continuidade na justiça. Entretanto, os governantes não reconhecem o esforço e o sacrifício, pagam mal, discriminam, enfraquecem e segmentam o ciclo policial. Os policiais sofrem com descaso, políticas imediatistas, ingerência partidária, formação insuficiente, treinamento precário, falta de previsão orçamentária, corrupção, ingerência política, aliciamento, "bicos" inseguros, conflitos, autoridade fraca, sistema criminal inoperante, insegurança jurídica, desvios de função, disparidades salariais, más condições de trabalho, leis benevolentes, falência prisional, morosidade dos processos, leniência do judiciário e impunidade que inutilizam o esforço policial e ameaçam a paz social.

quarta-feira, 6 de julho de 2011

CONFRONTO EM REINTEGRAÇÃO DE POSSE

Reintegração de posse em favela de Ribeirão Preto (SP) termina em confronto. JORNAL HOJE, REDE GLOBO, Terça-feira, 05/07/2011

Os moradores se negaram a deixar a comunidade, botaram fogo em pedaços de madeira e montaram barreiras. Os PMs tiveram que usar balas de borracha e bombas de efeito moral. Muitos moradores foram retirados à força e os barracos foram derrubados.



Polícia vai apurar abusos durante reintegração de posse em SP - JORNAL GLOBO NEWS, Quarta-feira, 06/07/2011

Várias pessoas ficaram feridas durante a reintegração de posse numa Favela de Ribeirão Presto, no interior de São Paulo. Os policiais teriam usado balas de borracha e bombas de efeito moral.