ALERTA: A criminalidade e a violência crescem de forma assustadora no Brasil. Os policiais estão prendendo mais e aprendendo muitas armas de guerra e toneladas de drogas. A morte e a perda de acessibilidade são riscos presentes numa rotina estressante de retrabalho e sem continuidade na justiça. Entretanto, os governantes não reconhecem o esforço e o sacrifício, pagam mal, discriminam, enfraquecem e segmentam o ciclo policial. Os policiais sofrem com descaso, políticas imediatistas, ingerência partidária, formação insuficiente, treinamento precário, falta de previsão orçamentária, corrupção, ingerência política, aliciamento, "bicos" inseguros, conflitos, autoridade fraca, sistema criminal inoperante, insegurança jurídica, desvios de função, disparidades salariais, más condições de trabalho, leis benevolentes, falência prisional, morosidade dos processos, leniência do judiciário e impunidade que inutilizam o esforço policial e ameaçam a paz social.

sexta-feira, 29 de julho de 2011

ASSALTANTES SÃO PRESOS AO ABORDAREM POLICIAIS DISCRETOS

Dupla armada se dá mal após tentativa de roubo contra viatura da polícia em Palhoça. Os dois jovens também furtaram uma moto em São José - DIÁRIO CATARINENSE, 29/07/2011 | 07h47min

Um homem de 18 anos foi preso e um adolescente de 15 acabou apreendido depois após uma tentativa de roubo contra uma viatura da Polícia Militar em Palhoça, na madrugada desta sexta-feira. O veículo descaracterizado — usado para operações sem mostrar identificação — estava à paisana na rua.

Os dois jovens haviam furtado uma moto em São José e seguiram para Palhoça, onde abordaram a viatura estacionada. O mais velho estava armado com um revólver calibre 22, mas sem munição.

Os dois acabaram detidos em flagrante encaminhados para a delegacia. O dono da moto furtado reconheceu os assaltantes.
DIÁRIO CATARINENSE