ALERTA: A criminalidade e a violência crescem de forma assustadora no Brasil. Os policiais estão prendendo mais e aprendendo muitas armas de guerra e toneladas de drogas. A morte e a perda de acessibilidade são riscos presentes numa rotina estressante de retrabalho e sem continuidade na justiça. Entretanto, os governantes não reconhecem o esforço e o sacrifício, pagam mal, discriminam, enfraquecem e segmentam o ciclo policial. Os policiais sofrem com descaso, políticas imediatistas, ingerência partidária, formação insuficiente, treinamento precário, falta de previsão orçamentária, corrupção, ingerência política, aliciamento, "bicos" inseguros, conflitos, autoridade fraca, sistema criminal inoperante, insegurança jurídica, desvios de função, disparidades salariais, más condições de trabalho, leis benevolentes, falência prisional, morosidade dos processos, leniência do judiciário e impunidade que inutilizam o esforço policial e ameaçam a paz social.

domingo, 5 de fevereiro de 2012

GREVE PM - LUZ É CORTADA PARA AÇÃO DE DESOCUPAÇÃO DA AL-BA


Luz da Assembléia Legislativa é cortada para desocupação de PMS em greve. O órgão está sendo iluminado por geradores que devem sustentar a luz até meia-noite - Da Redação, CORREIO, 05.02.2012 - 20:49

As luzes da Assembléia Legislativa onde os PM grevista estão ocupando foi cortada na noite deste domingo (05). De acordo com informações da Secom, a luz natural foi desligada e agora a Assembléia está sendo iluminada por um gerador que deve durar apenas até às 00h de hoje.

Em pedido feito ao general Gonçalves Dias, comandante da 6ª Região Militar, o presidente da Assembleia Legislativa da Bahia, Marcelo Nilo, estabeleceu a meia-noite deste domingo (5) como prazo para que os policiais militares e associados à Aspra, acampados na Assembleia, desocupem o prédio.

O deputado esteve no Quartel do Exército, localizado na Mouraria, e pediu aos militares que a Assembleia seja desocupada para que os trabalhos legislativos sejam retomados nesta segunda (6). 'A Assembleia não pode ser usada como abrigo para foragidos da Justiça', disse o deputado.

Após o comunicado, o general Dias convocou uma reunião com os outros comandantes que participam da operação de segurança de Salvador para avaliar o pedido.

Tanques do Exército são enviados para o Centro Administrativo. Dois helicópteros do Exército realizam voos na região do Centro Administrativo da Bahia neste domingo. Tanques Urutus do Exército foram enviados para o CAB.

Em coletiva neste sábado (4), o governador Jaques Wagner assegurou que a Assembleia Legislativa não será invadida. “Não tem nenhuma hipótese de invasão da Assembleia. Se alguém invadir a assembleia, seguramente serão eles”, assegurou. De acordo com Wagner, "isso é mais uma tentativa do grupo de achar adesões e de fazer pânico".

“As pessoas estão falando de banho de sangue, banho de sangue só ser for de lá para cá, aliás algum banho de sangue já foi promovido na cidade por eles. Daqui eu não tenho o menor interesse em banho de sangue, agora a ordem tem que ser restabelecida”, afirmou Wagner em coletiva.

14 viaturas da Polícia Militar estavam com os grevistas no Centro Administrativo.


Acampados na Assembleia

Policiais militares e associados à Aspra estão acampados há cinco dias na sede da Assembleia Legislativa, localizada no Centro Administrativo da Bahia. Eles reivindicam o pagamento da Gratificação por Atividade de Polícia (GAP) IV e V, além da regulamentação do pagamento de auxílio acidente, insalubidade e periculosidade.

Tropa de elite

Os 2.500 homens Forças Armadas que estão em Salvador ganharam um reforço da 'tropa de elite' da Polícia Federal neste domingo (5). Ao todo, 40 homens do Comando de Operações Táticas desembarcaram em Salvador. Os agentes vão cumprir os 11 mandados de prisão restantes que foram expedidos contra os líderes da greve da PM na Bahia. Um soldado da Companhia de Policiamento de Proteção Ambiental (COPPA) foi preso na madrugada de hoje.