ALERTA: A criminalidade e a violência crescem de forma assustadora no Brasil. Os policiais estão prendendo mais e aprendendo muitas armas de guerra e toneladas de drogas. A morte e a perda de acessibilidade são riscos presentes numa rotina estressante de retrabalho e sem continuidade na justiça. Entretanto, os governantes não reconhecem o esforço e o sacrifício, pagam mal, discriminam, enfraquecem e segmentam o ciclo policial. Os policiais sofrem com descaso, políticas imediatistas, ingerência partidária, formação insuficiente, treinamento precário, falta de previsão orçamentária, corrupção, ingerência política, aliciamento, "bicos" inseguros, conflitos, autoridade fraca, sistema criminal inoperante, insegurança jurídica, desvios de função, disparidades salariais, más condições de trabalho, leis benevolentes, falência prisional, morosidade dos processos, leniência do judiciário e impunidade que inutilizam o esforço policial e ameaçam a paz social.

sábado, 27 de agosto de 2011

O PIOR SALÁRIO - POLICIAIS CIVIS E MILITARES DO RS PROTESTAM NA EXPOINTER


Policiais civis e militares fazem manifestação por melhores salários. Grupo de cerca de 50 pessoas está na entrada da Expointer em Esteio - RADIO GUAÍBA, CORREIO DO POVO, 27/08/2011 10:23

Cerca de 50 policiais civis e militares fazem um protesto por melhores salários na entrada da Expointer, em Esteio, neste sábado.

O grupo utiliza sirenes, carro de som e faz panfletagem no local. Estão previstas manifestações como essa ao longo de toda a semana.

Em reunião realizada na sexta-feira, a categoria não aceitou a proposta do governo, que ofereceu reajuste de até 4%.

A manifestação é realizada pelo Sindicato dos Escrivães, Inspetores e Investigadores de Polícia (Ugeirm), Associação Beneficente Antônio Mendes Filho ( Abamf) e Associação dos Sargentos, Subtenentes e Tenentes da Brigada Militar (ASSTBM).