ALERTA: A criminalidade e a violência crescem de forma assustadora no Brasil. Os policiais estão prendendo mais e aprendendo muitas armas de guerra e toneladas de drogas. A morte e a perda de acessibilidade são riscos presentes numa rotina estressante de retrabalho e sem continuidade na justiça. Entretanto, os governantes não reconhecem o esforço e o sacrifício, pagam mal, discriminam, enfraquecem e segmentam o ciclo policial. Os policiais sofrem com descaso, políticas imediatistas, ingerência partidária, formação insuficiente, treinamento precário, falta de previsão orçamentária, corrupção, ingerência política, aliciamento, "bicos" inseguros, conflitos, autoridade fraca, sistema criminal inoperante, insegurança jurídica, desvios de função, disparidades salariais, más condições de trabalho, leis benevolentes, falência prisional, morosidade dos processos, leniência do judiciário e impunidade que inutilizam o esforço policial e ameaçam a paz social.

domingo, 27 de fevereiro de 2011

ENFRENTAMENTO - 10 PESSOAS MORREM EM OPERAÇÃO POLICIAL

Dez pessoas são mortas em operação policial em Lauro de Freitas. Os corpos foram encaminhados por policiais do COE ao Hospital Menandro de Farias - 26.02.2011 | Atualizado em 26.02.2011 - 17:50 - Redação CORREIO DA BAHIA.

Dez pessoas foram mortas em uma operação policial em Vida Nova, no município de Lauro de Freitas. As mortes teriam ocorrido em um cerco a assaltantes na tarde deste sábado (27), na qual um policial foi baleado.

A Operação Portão II realizada por policiais do Comando de Operações Especiais e Polícia Civil tem objetivo de prender assaltantes de banco e estabelecimentos comerciais em Salvador e no interior do estado. Segundo informações da Secretaria de Segurança Pública a operação termina na noite deste sábado e o balanço será divulgado na próxima segunda (28).

Os corpos foram encaminhados ao Hospital Menandro de Farias e devem seguir para o Instituto Médico Legal Nina Rodrigues ainda neste sábado.